Bye bye la luna de Alabama

Este site ficou muitos anos onde sempre esteve: a serviço dos registradores imobiliários brasileiros. Dia após dia, incansavelmente, este repositório foi alimentado com notas e informações hauridas de variadas fontes.

A importância desta fonte de pesquisa é percebida por um grupo muito reduzido de assíduos visitantes. A verdade é que a pesquisa acadêmica atrai um tipo muito especial de seres humanos. Poucos têm este peculiar sentimento de veneração devotado ao conhecimento.

Alisto-me entre aqueles que amam o conhecimento. No fundo, não passo de um parvo escriba que luta com as tintas e as fintas de grafemas e de outros tantos temas lavrados neste grande Livro da Vida que é o Registro.

Contudo, tudo se transforma, tudo se modifica. “Eppur si muove!” – disse alguém um dia. E eis que é chegada a hora da mudança.

Vamos mudar – não emudecer. Há tantas vozes na história… Atente! Oriente-se, caro leitor: o extremo oriente, acredite, é somente o ocidente.

Depois de tantos anos vamos mudar lentamente. Migraremos o conteúdo deste site para o recém criado Círculo Registral e Notarial:

www.circuloregistral.com.br

Como os herdeiros dos grandes escribas, amanuenses, cartophylax, gostaria que nos acompanhassem nesta viagem cuja origem se perde na noite dos tempos e o futuro nos aguarda tranquilamente.

Até breve.

Sérgio Jacomino

SJ

2 comentários sobre “Bye bye la luna de Alabama

  1. Num lampejo de esperança, lendo essa sua narrativa, relembro não saudoso, um começar sem graça, onde tudo se copiava, ao tentarmos saber ou buscar alguma coisa, caia-nos o desânimo, pois material não tinhamos e nosso interesse era desinteressado. Passa o tempo. Quão bom é o aprender, mesmo que solitário. Suas leituras são deleites daqueles que “não cientistas, não pesquisadores”, mas buscando um remexido de algo, que sobre a este também que, se julgas o Senhor ser um “parvo escriba”, direi num sofrer solitário: “Que sou eu então”?
    Parabens, não deixaremos de seguir não tenhais dúvidas, mesmo que possas contar nos dedos da mão direita quantos o farão, mas cá estaremos nós, lhe perseguindo. Um forte abraço.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s